The TudorsA primeira temporada* da série The Tudors, exibida pelo canal pago People+Arts, abre com uma seqüência de grande impacto: um assassinato político em piso de mármore, que faz lembrar a queda de Júlio César. Entretanto, esse impacto se propaga pela Inglaterra do século 16, e é interessantemente absorvido pela intensa teia política de alianças e traições, vaidades e sutilezas comportamentais que só as cortes reais do período das Grandes Navegações sabiam urdir. A reação inicial à morte de um parente do rei não necessariamente termina em ódio transnacional; mesmo com todas as provas de acusação, o crime pode ser posto em perspectiva — e até desagüar numa aliança.

The Tudors é assim: um retrato sem suavização, mas com assombroso requinte, dos teatrinhos de sombra que rondam os passos de um rei. Decerto a produtora Showtime, a mesma de Dexter, soube alinhar a produção ao requinte das aparências palacianas, preocupando-se com cada bordado em vestes monumentais. Tudors é apuro de cinema — cinema que leva muitos Oscars técnicos para casa.

O elenco é, na maior parte, brilhante. Jonathan Rhys-Meyers, o protagonista de Match Point, exala juventude e ardor egocêntrico no papel do mais pitoresco rei da história inglesa: o homem que mandou mudar a Igreja de seu reino quando o Catolicismo cortou suas pretensões ao primeiro divórcio. Seu contraponto é Sam Neill, que, 12 anos após fugir de dinossauros em Jurassic Park, assume suas rugas e devora atores menores com seu sorriso cínico e língua suave, intensamente política. Poucos cardeais foram tão sórdidos e ao mesmo tempo tão refinados.

A relação entre os dois personagens move as demais peças desse grande jogo de xadrez, que no fundo, poderia ser comparado a uma grande novela — não falta romance, drama e desejos maiores que a vida. Quisera eu ver mais novelas com essa classe. A natureza humana não muda, mas a embalagem para suas histórias pode ter ótimos diálogos e, ao mesmo tempo, encher os olhos. Desfrutem de uma belíssima aula de história.

* Aos que já assistem, um recado: a segunda temporada está em produção.

Anúncios